De população à estrutura de comunidade: Os efeitos do reflorestamento sobre as comunidades de lagartos do Cerrado no Brasil Central
Aluna - Alison Gainsbury
Orientador - Guarino Rinaldi Colli
Universidade de Brasília

 

O Cerrado é o segundo maior bioma na Ámérica do Sul e é reconhecido como um “hotspot” da biodiversidade. O Cerrado esta sendo destruído em uma taxa alarmante, com metade já transformada em pastos e em terras agrícolas. Devido a destruicao do Cerado tem varios locais de reflorestamento com intencao de diminuir os impactos humanos. Mesmo assim, areas de reflorestamento e um impacto humano e existe poucos estudos sobre o impacto dessas areas sobre o Cerrado. Diferenças entre hábitats naturais são locais importantes para acumulação de diferenças populacionais que podem promover especiação. Hábitats impactados pelo homem iniciaram uma experiência não programada na biodiversidade do planeta, que promove mudanças evolucionárias rápidas. Pouco se sabe sobre como a interferência humana afeta as espécies que persistem em áreas pertubadas. O Distrito Federal contém grandes reservas naturais, com hábitats reflorestados em seu entorno, propiciando uma oportunidade única para estudar os efeitos d ereflorestamento sobre as comunidades naturais. O objetivo deste estudo é investigar divergências na composição das comunidades e na morfologia e estrutura genética de populações de lagartos entre hábitats naturais e relorestados . As causas da divergência entre os dois tipos de hábitat serão associadas a diferenças na dieta, na carga de parasitas e/ou na intensidade da competição. Os resultados do estudo fornecerão informações sobre como as espécies persistem em hábitats perturbados e se adaptam a um mundo em constante mudança. A identificação da habilidade das espécies em se adaptar permitirá identificar espécies em perigo imediato de extinção local e os processos determinantes da persistência das espécies em hábitats perturbados. Esses resultados serão importantes para reduzir os efeitos de impactos antrópicos na biodiversidade do Cerrado.