Estudo anatômico e fitoquímico de folhas adultas de espécies do Cerrado
Coordenadora - Adda Daniela Lima Figueiredo
Universidade Estadual de Goiás

 

A utilização das plantas como recursos naturais para fins medicinais ocorre desde as antigas civilizações. O Brasil é um país com grande potencial na indústria de fitoterápicos, sendo privilegiado com aproximadamente um terço da flora mundial do qual muito pode ser aproveitado por suas propriedades terapêuticas. Apesar da vasta riqueza que compõe os biomas brasileiros, há ainda famílias com carência de estudos em relação as suas propriedades bioquímicas e morfológicas. Este projeto visa estudar espécies do Cerrado, podendo contribuir com dados bases no desenvolvimento de futuro fármacos. Nesse sentido, serão coletadas na área da Reserva Ecológica do Instituto Bgrasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) folhas adultas das seguintes espécies do Cerrado: Syagrus flexuosa (Mart.) Becc. (PALMAE – Arecaceae); Ipomoea operculata (Gomes) Mart. (CONVULVULACEAE) e Aegiphila lhotzkiana Cham. (Lamiales – VERBENACEAE). O material vegetal será analisado no Laboratório da Biodiversidade e de Química da UnUCET-UEG, a partir de metodologias convencionais para os estudos de prospecção fitoquímica e anatomia foliar com o intuito de determinar padrões básicos para o controle da droga vegetal e de identificação da espécie. A pesquisa resultará em dados para produção de resumos expandidos em congressos da área, desenvolvimento de trabalhos de conclusão de curso e publicação de artigos científicos.