Relevo

A Reserva Ecológica do IBGE está situada no Pediplano (ou Chapada, na terminologia popular regional) de Brasília, unidade geomorfológica de origem Terciária que juntamente com o Pediplano Contagem-Roncador constitui a parte do Planalto Central Goiano denominada Planalto do Distrito Federal.

 

O relevo na bacia hidrográfica onde ela está localizada - a do córrego Taquara (veja Hidrografia) - é movimentado, variando de plano a ondulado, mas na área da Reserva é relativamente homogêneo, constando, basicamente, de um conjunto de encostas levemente inclinadas nos sentidos NW e SW, com cursos d’água de 1ª ordem nas médias vertentes e cursos de ordem mais elevada nas partes de menor altitude.

Uma análise dos modelados e dos tipos de formações superficiais realizada por Mamede (1995 e 1999) na escala 1:10.000 resultou na identificação dos seguintes compartimentos geomorfológicos no interior dessa Reserva:

 

01 - Uma superfície de relevo plano a plano inclinado, de grande extensão e contínua, correspondente às altas e médias vertentes da Chapada, onde predominam Coberturas Terciárias argilosas, representadas por Latossolos.

 

02 - Um conjunto de superfícies de relevo plano inclinado, provavelmente do início do Quaternário, de média a pequena extensão, posicionadas próximo da rede de drenagem e recobertas por um manto de material proveniente das superfícies mais elevadas por processos de coluviação e pedimentação.

 

03 - Um conjunto mais ou menos agregado de terraços e planícies aluviais, holocênicos, inundáveis ou não, formados pela deposição de detritos ao longo dos vales, com presença de Solos Orgânicos e Gleissolos.

 

04 - Um conjunto disperso de áreas periodicamente inundadas, igualmente holocênicas, evoluídas por processos de exsudação do lençol freático e posicionadas nas cabeceiras e próximo às margens dos cursos d’água.

 

 

Você pode visualizar todas as características do relevo da Reserva no Mapa de Relevo em Multimídia.

 

Essa compartimentação contribui para a ocorrência de variações importantes nos solos e na cobertura vegetal da Reserva, bem como para a presença de uma diversificada biota no seu espaço territorial.

 

No tocante à altitude, as variações são pequenas, indo de 1.048 m no talvegue do córrego Taquara a 1.150 m na parte correspondente ao topo da Chapada*.

 

* Texto produzido por Benedito Alísio da Silva Pereira et al. Reserva Ecológica do IBGE, Brasília (DF): Composição e Diversidade da Flórula Vascular (IBGE, 2004).