O Conselho Técnico e Científico da RECOR, previsto pela Norma DGC 23/99 possui as seguintes atribuições:

  1. Assessorar a Gerência da GEC no planejamento, execução, monitoramento e avaliação das atividades técnicas programadas para o Plano de Manejo e Gestão da Reserva Ecológica do IBGE no âmbito da Gestão Ambiental, que compreendem os seguintes processos de trabalho:
    1. Práticas de manejo de espécies, ecossistemas e hábitats da RECOR;
    2. Práticas de combate à incêndios florestais realizadas pela Brigada Contra Incêndios Florestais da RECOR;
    3. Participação nos Conselhos de Meio Ambiente do Distrito Federal e do Governo Federal;
  2. Assessorar a Gerência da GEC no planejamento, execução, monitoramento e avaliação das atividades técnicas programadas para o Plano de Manejo e Gestão da Reserva Ecológica do IBGE no âmbito da Gestão da Pesquisa e da Informação, que compreendem os seguintes processos de trabalho:
    1. Manutenção adequada da Estação Meteorológica da RECOR;
    2. Manutenção adequada da Biblioteca da GEC;
    3. Manutenção adequada da Exposição Permanente da RECOR;
    4. Manutenção adequada dos alojamentos e laboratórios para pesquisadores externos;
    5. Desenvolvimento, atualização e disponibilização das Bases de dados sobre projetos de pesquisa, sobre a produção científica da RECOR, sobre o acervo bibliográfico e disseminação daquelas informações via web e atendimento direto aos usuários;
    6. Desenvolvimento, atualização e disponibilização dos produtos do SIG da RECOR (mapas, banco de dados e de metadados) via web e atendimento direto aos usuários;
    7. Expedição das licenças de autorização de pesquisas;
    8. Atualização cadastral e monitoramento dos projetos de pesquisas, do cumprimento das normas de pesquisas e entrega dos produtos pelos pesquisadores.

O Conselho é formado por servidores do IBGE e pode contar com a orientação técnica e apoio de pesquisadores e parceiros.